Será que meu novo yorkie vai ser amigo do meu outro cão?

28 out
 
 

Socializar o cão é fundamental para seu bem estar

 

Oi, sou Lucas e sempre fui louco por um yorkie,enchi a paciencia da minha mãe e vou ganhar um no natal, mas como tenho dois poodles (machos)e uma bebê rottweiller, eu quero uma fêmea, sem falar que adoro aqueles frufrus que só as fêmeas usam. Será que ela se dará bem com os poodles e a Jade(rottweiller)? Beijos, adorei o blog!

Olá Lucas, tudo bem?

Quando ganhamos um cachorrinho pequeno como um Yorkshire e já temos em casa outros cães, a tendência geral é oferecer uma superproteção ao filhotinho menor. Cuidados são necessários, mas evite brigar com os outros cães que já estão na casa quando forem interagir com a filhote recém-chegada. Pelo contrário, faça com que eles adorem o bebê. Como? Sempre que o filhote estiver presente, eles recebem carinhos, petiscos e atenção. Deixe que as duas filhotes (de rottweiller e a yorkie brinquem), sempre sob supervisão, para que formem laços e no futuro sejam amigas e companheiras. Desta forma você evitará acidentes no futuro.

Outro ponto extremamente importante para as duas é a socialização. Socializar é tornar um animal social, ou seja, proporcionar a possibilidade de o cão aceitar bem as diferentes situações da vida a que estão expostos, como por exemplo: visitas, festas, passeios, presença de outros cães, crianças, idosos, carros, motos, ônibus, etc. Escrevemos um artigo que poderá te ajudar na socialização das suas pequenas: http://tudodecao.com.br/artigos/1032-a-importancia-da-socializacao-e-como-faze-la.html

Outro ponto a considerar  é a educação. Acreditamos que, assim como as crianças, todos os cães precisam aprender a como se comportar bem em nossa casa, e em diversas situações, para que possamos levá-los conosco numa boa em viagens, parques, casa de amigos, etc. Um cão bem educado acrescenta harmonia a uma família, e um cão mau educado pode realmente se tornar um problema. Você mesmo pode ensinar seus cãezinhos alguns comandos, mas lembre-se sempre de ensiná-los como você gostaria que os outros te ensinassem. Bater, gritar, ameaçar, usar punições não é a melhor maneira de ensinar. Você pode deixar seus cães com medo de você, e aí toda a intenção de ter um melhor amigo cai por terra. Leia: http://tudodecao.com.br/artigos/1143-a-educacao-dos-caes.html

Você também pode precisar de ajuda para ensiná-los a fazer as necessidades em local correto e evitar que destruam móveis e objetos, e estes dois artigos podem ajudar:
Xixi e Cocô em local correto: http://tudodecao.com.br/artigos/1146-xixi-e-coco-em-local-correto.html
Morder e Destruir Objetos: http://tudodecao.com.br/artigos/1147-morder-e-destruir-objetos.html
Esperamos que os novos membros da família tragam muita felicidade!

__________________________________________________________________________________________________________________________________________

Sara Favinha é Zootecnista e especialista em comportamento animal, integra a equipe da Tudo de Cão, e às quinta-feiras irá responder dúvidas dos leitores. Deixe sua pergunta nos comentários ou envie um e-mail para pequenograndecao@hotmail.com

6 Respostas to “Será que meu novo yorkie vai ser amigo do meu outro cão?”

  1. Chris Figueiredo 28/10/2010 às 1:58 pm #

    Rottweiller é um cão de guarda e de grande porte. Eu não aconselho, em hipótese alguma, deixar um York (independente se for filhote ou adulto) brincar com um cão dessa raça! Nem com o dono perto, vigiando!
    Por mais dócil que a Rottweiller seja, por mais carinhosa e adestrada, uma patada dela pode ser fatal para um York! Imagem só o estrago de uma brincadeira “carinhosa” de um cão de 40 a 50 kg em cima de outro com apenas 2 kg, 3 kg …..
    Depois que o acidente acontece, não adianta chorar!
    Responsabilidade acima de tudo!

  2. Camilli Chamone 29/10/2010 às 9:01 am #

    Recentemente, recebi um e-mail desesperado de uma moça que possui um yorkshire, um bulldog francês, um schnauzer e um vira-lata.

    Ela escrevia desesperada, porque seu yorkshire era muito “encrenquinha” com os outros cães, não entendia que era um cão pequeno e queria se impôr, apesar do seu tamanho.

    A consequência deste ato? O york quase foi morto pelos outros cães, depois de se envolver em uma briga.

    Sou RADICALMENTE CONTRA a convivência de cães de pesos e tamanhos muito distintos. Até as mais inocentes brincadeiras dos caninos (que são brutas) podem fraturar um pequeno cão.

    Quem tem um rott, não pode permitir que ele brinque com um york. Yorks não tem a mínima noção do seu tamanho. É caracyerística da raça!!!

    Como disse a Chris, responsabilidade acima de tudo!

    Abraços!

  3. Sara Favinha 29/10/2010 às 6:46 pm #

    Olá Chris e Camilli,

    Obrigada pelos comentários!

    Entendemos por completo a preocupação de vocês, e ela tem fundamento! Quando vemos a interação de um cão de grande porte com um pequenino, podemos ficar com receio de machucados e até fraturas.

    O ponto que visualizei no caso do Lucas é que provavelmente algum dia a york e a rottweiller irão se encontrar caso não tenham se conhecido na infância, mesmo que seja por acidente ou um descuido de alguns segundos. As chances de morte sobem demais neste caso.

    Quando mediamos a situação, e mostramos ao cão maior que se ele se empolgar na brincadeira, ela acaba, estamos educando-o, principalmente a respeitar a linguagem canina do pequeno. Vejam que este cão precisa ter a possibilidade de brincar livremente com outros cães de porte similar para desenvolver a linguagem.

    A linguagem dos cães é universal, e muitos cães pequeninos não se dão conta do seu tamanho exatamente porque se um cão é bem socializado, ele respeitará a linguagem de um são bernardo tanto quanto a de um york.

    Já socializamos animais de todos os tamanhos e idades, e quando isso é feito com cuidado e preocupação, as chances de acidentes caem muito no futuro.

    Existem riscos em qualquer interação canina, mas nesse caso, a intenção é minimizá-los ao máximo. Cabe aos donos avaliarem realmente se conseguirão supervisionar todas as interações dos cães até que sejam seguras, ou então optar por adquirir cães com tamanhos similares, para evitar este tipo de problema.

    Abraço!

  4. Lucas 30/10/2010 às 9:24 pm #

    Olá!gostaria de agradecer a equipe deste site espetacular por responder tão atenciosamente minhas perguntas e dizer que indiquei este site para todos que conheço por sua capacidade e abilidade. SUCESSO!

    • Bianca 31/10/2010 às 9:32 am #

      viva !!!! obrigada Lucas !!! se surgirem duvidas, apareça !! beijos😀

  5. Dani 07/11/2010 às 6:48 pm #

    oiii….meu nome é danieli e acabo de fazer um pequeno grande amigo, o choquito, sempre quis um cachorrinho e acabei escolheno um york. como eh meu primeiro cachorro estou tentando ler o á respeito sobre ele e sobre como nos darmos bem, agora me surgiu um vida sobre castração…quais os prós e contras, as indicações, a idade…o que me aconselham?

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: