Coleira, guia, peitoral…qual delas seu yorkie usa?

29 jan
Yorkies são cães particularmente pequenos, possuem a traquéia delicada, e isso pede um cuidado especial na escolha da coleira e guias utilizadas. Vejamos algumas opções do mercado:
Essa não é beeem tradicional, mas vocês entenderam né? hehe

Coleira tradicional: existem em uma enorme varidade de cores, tamanhos e materiais. O ideal é medir no pescoço do cão antes de comprar; ela deve ficar um pouco frouxa ( uns 2 dedos) , mas não muito frouxa para que não haja risco de o cão ficar enroscado em algo. Para os yorkies, o ideal é que seja uma coleira de um material bem leve, fácil de lavar e fina, para que não cause desconforto. Eu não uso este tipo de coleira porque a Mel tem pelo comprido, e embola tudo. Se o seu yorkie tem pelo tosado curto, fica mais fácil, e você ainda pode utilizar uma plaquinha de identificação junto. Também dá para atrelar uma guia a ela e levar seu cão para passear, mas caso puxe muito a guia, esta coleira pode machucar o pescoço do seu yorkie.

 

Peitoral: Utilizado para passeio, é indicado para cães que possuem problemas respiratórios, como colapso de traquéia ( muito comum em yorkies). Eu utilizo esta para passear com a Mel, apesar de ela ser contra-indicada para cães que puxam muito a guia, pois o sistema de pressão faz com que o cão puxe ainda mais. A Mel puxa a guia, mas geralmente só no começo do passeio ou quando ela vê alguma moto hehe

Melzinha e seu peitoral tipo coletinho

– Peitoral tipo colete – Eu uso às vezes, pois parece ser bem confortável. Parece uma roupinha que você veste e conecta a guia a ele. O problema do meu é o fecho, de plástico, que por mais que eu ajuste as tiras bem justas, ele não segura muito bem, e elas se soltam e ficam meio frouxas. Não me passa muita segurança, mas existem outros modelos tipo colete que devem ter o ajuste melhor, aí vale a pena.

Coleira Gentle Leader: Funciona como um cabresto para cavalo. Suas tiras passam em volta do focinho e quando o animal tenta puxar a guia, seu focinho é puxado para o lado. O objetivo dela é justamente fazer com que o animal pare de puxar a guia quando passeia. É bem fácil de usar e existe no tamanho extra-pequeno, para cães com menos de 2kg. Eu utilizo esta guia com minha srd que puxava muito no passeio, e cheguei a comprar uma para a Mel, mas não tive coragem de usar e acabei perdendo ela … confesso que fiquei com medo de ela (ou eu) dar um tranco muito forte na guia e machucá-la.

Enforcador de nylon ajustável: Como o próprio nome diz, produz uma correção pressionando a guia que passa em volta do pescoço do animal, provocando a sensação de enforcamento. O nylon é um material mais leve do que os tradicionais enforcadores de correntes, mas eu jamais usaria este tipo de guia em um yorkie, pela delicadeza de seu pescocinho de frango.

Guia de Nylon para 2 cachorros: Esta é fofa ! Você pode passear com 2 cães sem se embolar. Pode prendê-la tanto no peitoral como na coleira, acho que vou comprar uma para mim. Será que tem para 5 cachorros? heheh

Peitoral Easy Walk-Funciona como a Gentle Leader, mas a pressão é feita no peito ao invés do focinho.  É como um peitoral, mas possui um sistema que não permite que o cão puxe como um cavalo de tração. Ela só não é mais perfeita porque o menor tamanho dela ( P ) serve em cães com tórax com no mínimo 38cm, e muitos yorkies são bem menores do que isso. Se o seu yorkie não é tão minúsculo, pode ser uma ótima opção.

Procurando pela net achei uma outra guia  exclusiva para mamães de humanos:

kkkkkkkk gostaram?? =D

Anúncios

3 Respostas to “Coleira, guia, peitoral…qual delas seu yorkie usa?”

  1. ainho 31/01/2011 às 12:39 am #

    que coleirinha chic heim !!

  2. ainho 31/01/2011 às 12:41 am #

    hahahahahaha gostei da cara do menino ai na foto! hahahahahahaha será que ele puxa demais?

    • talita 16/01/2012 às 9:50 am #

      Ainho! sei nao acho que sim kkkkk

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: