Tag Archives: Histórias de Yorkies

Yorkie do dia: Luquinha, o anjinho!

28 set

Por Christiane Figueiredo, proprietária do Canil Sweet Angels

A “Estrelinha” de hoje é o Luquinha, o mascote do “Sweet Angels”!
     Ele nasceu de um parto complicado, cesariana, onde a sua mãe, Catarina, quase morreu e ainda teve que retirar o útero. Quando o veterinário o trouxe da sala de cirurgia, levei um grande susto: ele era tão pequenino que as chances de sobreviver eram poucas (me disseram que ele era prematuro, pesava menos de 50 gramas!), mas eu não perdi as esperanças.
     Os primeiros dias de vida do Luquinha foram bastante difíceis … A Catarina tinha pouco leite e eu tive que providenciar mamadeiras de Nan, que ele tomava de 2 em 2 horas. Ele ficou no meu quarto, ao lado da minha cama, numa maternidade! Na primeira semana eu praticamente não dormi, mas valeu o sacrifício!


     Ele foi crescendo e a Catarina foi tendo mais leite. Ela cuidava dele com um carinho muito especial, pois sabia da fragilidade do filho. Para vocês terem uma idéia, ele mamou até os cinco meses de vida! Isso mesmo!!!  (A cadela só tem leite durante uns 2 meses e meio, mas  ele continuou mamando. E ela deixava! Muito bonitinho!)
     Hoje o Luquinha está com 6 meses de vida e é um York lindo e saudável! Em todos esses anos que tenho de experiência como criadora, nunca tinha visto um filhote tão meigo e carinhoso … E mimado também! rs Sempre que quer atenção, ele chora!
     Porém, como todos os filhotinhos, é muito levado! Rouba roupas, papel higiênico, chinelos … Não podemos deixar nada ao seu alcance, que ele leva para a caminha!  Também é muito inteligente:  aprendeu a fazer suas necessidades no jornal desde que tinha 50 dias de vida. Ele dorme na minha cama, junto com a Catarina e me acorda às 6 horas da manhã para fazer xixi! Depois volta para o meu quarto e pede subir na cama e permanece nela até as 8  hs, na hora do café!


A Catarina ainda cuida dele como se fosse um bebezinho. Lambe, brinca, deixa ele se alimentar primeiro que ela e o segue por toda a casa … um exemplo de mãe! Estamos completamente apaixonados por ele! O Luquinha já encantou a todos e virou um membro da minha família!

Anúncios

Yorkie do Dia: Nick Bontempo!

14 set

 Por: Gaby Bontempo

 

Oi pessoal, esse é o Nick !

Depois de meses pesquisando na internet, encontrei um canil que tinha um macho de york  e no dia 22 de julho fui buscar meu cãozinho… e quando cheguei lá, estava muito ansiosa para finalmente vê-lo. Foi amor à primeira vista, quando  eu o vi,meu coração disparou… o que seria um presente para minha filha Iasmin de 4 anos, na realidade se tornou mais um membro da familia,  um filho peludo, é assim que eu digo a todos. Ele é lindo e o amo muito.Companheiro,  me segue onde eu vou, adoro seus lambeijos e cuido como se fosse um filho.

Continue lendo

Yorkie do dia : Léo, o campeão !

7 set

 

Oi pessoal ! O meu nome é Leo, nasci no Canil Sweet Angels,  e sou um York de 3 aninhos muito lindo! A minha história começou quando eu ainda estava na barriga da minha mãe canina, a Kelly. Nessa época a minha vovó humana, Vera,  já  aguardava ansiosa o meu nascimento.
          E  foi paixão a primeira vista! Eu ainda era um bebezinho quando a Vera foi me conhecer. Não estava nem com os olhinhos abertos e ela já sabia que seria EU o escolhido! Após os 2 meses de vida, pude ir para o meu novo lar: a casa da vovó Vera e da mamãe Liana! Lá conheci minha irmã Xuxinha , que já era a “dona do pedaço”! Depois ganhei outra irmãzinha, a Flavinha.


          Fui crescendo e a minha beleza começou a se destacar! Foi ai que a minha Vovó me inscreveu numa Exposição de cães em MG. Fiz muito sucesso em pista e ganhei o título de Jovem Campeão Brasileiro! Vocês precisam ver como minha mamãe e Vovó ficaram orgulhosas de mim! A Vovó fez até um álbum com minhas fotos que ela sempre carrega em sua bolsa para mostrar aos amigos.
          Eu sou muito companheiro, carinhoso e meigo. Ao contrário das minhas irmãs, que são muito sapecas. Para vocês terem uma idéia, elas tomam os meus brinquedos, minha cama e quando chega visita na minha casa, querem aparecer mais do que tudo! Para falar a verdade, morro de vergonha de pessoas estranhas e trato logo de me esconder quando vejo alguma!


          Ensinei muitas coisas para minha família humana … como por exemplo o amor incondicional e fidelidade 24 horas por dia! Em troca, eu só peço atenção, carinho, colinho e cuidados com minha aparência e saúde. Ah, e é claro, uma deliciosa ração, que aliás, eu só como mesmo quando tenho fome! Detesto horários fixos …
          Só posso agradecer a minha mamãe, Vovó e Vovô por tantos cuidados e tanto amor!
          Uma lambida bem gostosa para todos os amiguinhos Yorks!

* Escrito por Liana De Divitiis Zan

Toda terça-feira publicaremos histórias sobre yorkies . Mande a sua história para pequenograndecao@hotmail.com com o subject “Yorkie do Dia” , não esqueça de enviar fotos também ! 

– OBS : Mudei um pouco a regra da seção ! Ao invés de votação ( afinal todas as histórias são lindas ) , ao final do ano terá um sorteio apenas para os participantes da coluna. Já vou avisando que o prêmio tem algo a ver com…yorkies! Participem!

Yorkie do Dia: “O Bidu que veio numa sacolinha”

31 ago
 
 

Foto:Luciana Morais

Por Luciana R. Morais

Tudo começou no fim de 2009. Foi num passeio em BH na casa dos meus pais que eu decidi comprar meu York. Sempre quis ter um, mas minha mãe sempre dizia que “quando eu tivesse minha casa eu poderia ter o que eu quisesse, mas que antes disso ela não queria mais cachorrinho”. Tínhamos um pincher que viveu 14 anos.  Depois que ele morreu o pessoal lá de casa ficou meio desanimado de ter um novo cachorrinho. Passaram-se cinco anos até que eu casei, mudei e realizei meu sonho de ter um york.

Foto: Luciana Morais

Comprei o Biduzinho em um canil de BH. Foi um dilema… papai me incentivando e mamãe me desanimando,até que eu decidi: – Ou vai ou racha!!!!! Comprei!!! E agora como vou levá-lo para o interior onde eu moro? Eu ia embora na manhã seguinte (num domingo) e como ele chegou sábado a noite não dava mais tempo de ir no veterinário… e tinha mais um pequeno probleminha… eu não contei para o  maridão que teríamos um novo morador na nossa casa…

A noite de sábado para domingo eu mal dormi de preocupação…medo do motorista ou do trocador perceberem que eu estava ali com um cachorrinho. Coloquei Biduzinho dentro de uma sacolinha de dentista (minha profissão) que é’ durinha embaixo e abre completamente por cima. Quando eu fui entrar no ônibus tive que fechá-la toda, mas assim que eu sentei abri tudinho. Coloquei minha mochila na poltrona ao lado e implorei a Deus para que ninguém tivesse comprado passagem para aquele lugar.

Eu tive tanta sorte que tudo correu perfeitamente. Biduzinho ficou tranquilo (babou um pouquinho porque ficou meio enjoado – até hoje ele enjoa em viagens), ninguém sentou ao meu lado,e sempre que o trocador passava eu jogava a blusa de frio em cima da cabeça do Bibi. Chegando em casa foi a hora de ver qual seria a cara do maridão…

 

Foto: Luciana Morais

A etapa do ônibus tinha acabado,agora era a “etapa maridao”. Antes de mais nada eu gostaria de esclarecer que ao me casar fui morar na cidade natal do meu marido que é  onde Judas perdeu as meias esquina de onde o vento faz a curva. Aqui não tem pet shop, e a ração melhorzinha que vende por aqui chama-se PIT (olha o nivel…). Então toda vez que vou em BH tenho que comprar aqueles sacos gigantes de royal canin para york.  

Bom, continuando… o maridao foi me buscar de carro na pseudo-rodoviaria e no caminho para casa,  ele, de um modo polido, disse que aceitava o “cachorro” mas que eu não esperasse dele nenhum afeto com o “cachorro” pois ele não gostava de ter contato afetuoso com animais. Nos dias seguintes ele se referia ao bibi como “o cão”… alguns dias passaram e aquele cachorrinho foi conquistando o maridão. E hoje os dois são um love só. Os dois interagem de uma maneira incrível. O maridão deixou de chamar o Bidu de “o cão” e passou a chama-lo de biduzinho. Bidu quando está com Márcio fica hipnotizado…deita de barriguinha p/cima…faz dengo…e Márcio corresponde com todo carinho…faz cosquinha…carrega no ombro…faz carinho…brinca…Pena que comigo o Bidu não fica quieto um minuto…não mostra a barriguinha,nem fica hipnotizado…OK, confesso!!! Eu tenho ciumes por ficar de fora às vezes!!!! Mas também fico comovida de vê-los tão felizes juntos.  

Toda terça-feira publicaremos histórias sobre yorkies . Mande a sua história para pequenograndecao@hotmail.com com o subject “Yorkie do Dia” , não esqueça de enviar fotos também ! A melhor história do mês vai ganhar um brinde exclusivo.

Seção nova no blog: Yorkie do Dia

24 ago

Mel: "voce num vai mandá minha história mãmãi?"

Oi pessoal !

Temos uma nova seção no blog , e conto com a ajuda de vocês!

Toda terça-feira publicaremos o Yorkie do Dia , pois queremos conhecer os filhotes de vocês !

Para participar , é só escrever para pequenograndecao@hotmail.com contando um pouquinho sobre seu cão, e enviar uma ( ou mais) fotos dele!  Só pedimos que o animal seja da raça yokshire ou mestiço de yorkie , ok? Não estamos discriminando ninguém, mas este é um blog voltado para eles !

Algumas idéias para você escrever :

– Onde encontrei meu yorkie?

– O que aprendi com meu yorkie?

– O que meu yorkie faz que me faz sorrir?

– Eu mudei depois que passei a ser mãe/pai de um yorkie?

IMPORTANTE

Ao final de cada mês será selecionada( através de enquete)  a história mais bacana , e seu autor ganhará um prêmio ! Que prêmio? SURPRESA! Já adianto que vocês vão adorar !

Logo postarei a foto dele aqui, portanto, comecem a escrever e enviar suas histórias , que o prêmio jajá sai !